Segunda-feira, 10 de Dezembro de 2007

Adeptus Musicalis: Temos Explosivos!



   Este post é dedicado ao Roshi que está na terra do Sol Nascente.

   Esta é a sua música favorita da banda sonora do WipeOut 2097 e ele é a única pessoa que jogava com os russos da Quirex (as naves mais rapidas, sem ser os chineses Piranha) e com a estonteante vista do cockpit.

   Future Sound of London (ou FSOL para os amigos) são um duo britânico que desde cedo marcaram o género electrónico com o seu estilo electrónico de música ambiente/drum'n'bass/ techno. O seu álbum "Dead Cities" é uma obra prima!

   Aqui fica um dos seus enigmáticos videoclips, mais especificamente, "We Have Explosive" de 1997:


   Abraços da malta aí para lados do Japão!
Fonte: Factory81

Shiryu      
Estadus Psicologicus:
Adeptus Musicalis: FSOL - We Have Explosives

Sábado, 1 de Dezembro de 2007

Adeptus Musicalis: 1997, Fluketastic!



    Lá estou eu de volta à música... o que fazer, é complicado dividir a minha paixão entre a música e os jogos, como é fácil de deduzir.

    Na recta final de 1996, havia um jogo que teimava em não sair das nossas PSX. De facto, a sequela muito melhorada do original. Estou a falar, claro está de WipeOut 2097.

    Muito mais do que um jogo, era um CD de música brilhante, embora tivesse apenas duas faixas do mítico Tim Wright (CoLD SToRaGe)*, as restantes eram compostas por bandas que até hoje continuam a ser uma referência na música electrónica.

    E hoje deu-me na telha estar a ouvir o CD Risotto dos Fluke, editado em 1997. Custa acreditar, não é? Já lá vão 10 anos e para mim, foi ontem.

    O grande atractivo não era propriamente por eles terem duas faixas exclusivas na banda sonora do jogo, mas sim o videclip que passava por vezes na MTV que nos deixava sempre embasbacados. De facto, todo o CD de certeza teve um grande empurrão do WipeOut, pois o videoclip que falo é "Atom Bomb". No caso de não conhecerem, aqui fica:


    Sim, a bébe tem uma bomba nuclear. E sim, de facto, era de 22 megatoneladas. No entanto, outro videoclip da faixa que abria o CD era igualmente uma delicia para os sentidos, embora fosse absurdo. Tão absurdo, de facto, que mesmo que eu vos tentasse explicar, dizendo "O papá Smurf anda a porrada com o capitão Kirk do planeta Terra", já a maioria de voçês estaria a ligar para o hospício. Antes que tal suceda, carregai no play aqui em baixo:


    Os jogos, bons ou maus, vão e vêm. Mas a boa música, uma boa banda sonora, fica para sempre. Prova disso é a lista de músicas no meu leitor de MP3. Desde Amiga a Super Nintendo até Playstation ou GameCube, de tudo um pouco.

    De notar que se não fosse o WipeOut, se calhar o meu hobby musical teria muito provavelmente ficado pelo Commodore Amiga. Se não fosse pelo WipeOut, esta página não existiria.

    Assim me despeço, tendo a certeza que quem ler isto, se calhar nunca ponderou o que uma música memorável pode fazer por um jogo, filme, série de TV ou até mesmo uma ida de elevador do piso -1 ao piso 7 no El Corte Inglés. Bela música de elevador que eles lá passam...

    Um abraço ao Factory81.

Fonte: Factory81

  Shiryu     

    * Por grande sorte minha, quando comprei a minha Power VR para o PC, vinha grátis com o WipeOut 2097! A versão de PC, como a da Saturn, tinha a banda sonora completamente a cargo de CoLD SToRaGe! Pouparam nas licenças e quem ficou a ganhar fui eu!
Estadus Psicologicus:
Adeptus Musicalis: Fluke - Absurd

Adeptus

Adeptus Pesquisaris

 

Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Recentis Postus

Adeptus Musicalis: Temos ...

Adeptus Musicalis: 1997, ...

Adeptus Arquivus

Julho 2010

Junho 2010

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

tags

todas as tags

Adeptus Linkus

SAPO Blogs

subscrever feeds