Sexta-feira, 14 de Dezembro de 2007

Super Shiryu Land: Videojogos, Arte?





   Aqui fica para a posteridade, o meu mail na integra que enviei há uns meses para a
Hype! sobre a temática em discussão logo no seu número inicial. Como não foi publicada, e hoje sinto-me particularmente preguiçoso, que melhor maneira de dar uso a este monte de texto que está aqui a ganhar pó no meu PC do que o partilhar convosco.


   Cá está uma questão recorrente entre mim e os meus amigos. Infelizmente, acabamos quase sempre todos aos berros em vez de chegarmos a um consenso... porque a percepção de 'arte' é extremamente subjectiva.
 
    Por exemplo, facilmente todos cantamos em uníssono "O 'Gears of War' é arte!" , para segundos depois um elemento do sexo feminino proferir "Arte? É um gajo feio com armas grandes a matar gajos ainda mais feios!" . Abençoadas as mulheres, por conseguirem desfazer toda a mítica dos jogos que tanto nos apaixonam com a sua percepção diferente do mundo... mas isso será certamente um tema para outra altura.
 
    Embora seja indiscutível que um jogo é um produto de artistas (designers, músicos, guionistas e sim, programadores, cuja arte  é quase sempre invisível ao público, mas está lá) infelizmente, nem sempre o produto final pode ser considerado 'arte'. Parte desta situação deve-se ao estado da indústria em si, onde sequelas sem inspiração enchem as nossas prateleiras de lixo (sim, EA, estou a olhar na vossa direcção... mas a culpa não é só vossa) e que pelo nome apenas conseguem vender uma quantidade significativa de unidades, recompensado assim não a imaginação e a criatividade, mas o "jogar pelo seguro" de fazer um jogo com uma licença e usando motores de jogo já usados no ano anterior. Isto não é arte, é reciclagem.
 
    Felizmente, ainda existe percentagem de sequelas que são 'arte', como 'Metal Gear Solid 3', 'Devil May Cry 3', 'Resident Evil 4' , 'Ace Combat 6' e muitos outros, mas sobre esses jogos cai uma pressão enorme de manter a qualidade que fez os originais um sucesso... o que pode levar a trabalhos à pressa ou a erros graves na sua produção... quem jogou 'Rogue Squadron 2' na GameCube para depois ser presenteado uns anos mais tarde pelo 'Rogue Squadron 3', percebe onde eu quero chegar.
 
    Mas ainda mais grave nos tempos correntes, quando a 'arte' é penalizada e mesmo censurada. Já muita tinta correu sobre o tema do 'Manhunt 2', por isso vou-vos poupar à minha opinião sobre a censura, preferindo antes referir um evento que me deixou bem mais triste:
 
    'Okami'.
 

    É arte! É impossível qualquer pessoa ficar indiferente ao 'Okami'. De facto, todos os jogos da Clover Studios têm  uma vertente artística, presente do 'Viewtiful Joe', no 'GodHand' e atigindo a sua exponente máxima com o 'Okami'. No entanto, não vendeu em número de unidades suficiente para a casa-mãe (Capcom) justificar a sua existência, tendo a mesma decidido em 2006 dissolver a Clover, assimilando parte do seu staff enquanto os restantes formaram um novo estúdio independente.
 
    Levantaram-se muitas vozes de desagrado contra a Capcom,especialmente por parte dos fãs, no entanto, poucos foram os que se aperceberam que a culpa não é da Capcom, que como muitas semelhantes, não está no ramo da filantropia, mas para fazer dinheiro, obrigação que deve aos seus accionistas. A culpa está sim, mais uma vez, no estado actual da indústria, sendo este um dos exemplos mais flagrantes de penalização de uma obra de arte fresca e inovadora, que tal como muitas outras obras de arte ao longo da história, não lhe foi atribuído o devido valor na data do seu lançamento. O jogo saiu tarde na Europa e encontra-se actualmente à venda por menos de 20 euros novo... se fosse um jogo feito por mim, o meu coração estaria partido.
 
    O Bono dos U2 uma vez disse "I don't understand it... so it must be art." quando inquirido sobre a lendária 'Zoo TV'. É exactamente por isso que é difícil ter uma posição definida neste assunto, eu não percebo porque é que um jogo para mim é arte. Apenas sei que aqueles que considero arte, são os que me fazem esquecer o mundo real e que me permitem sonhar. Pena a indústria cada vez está a perder mais a sua inocência (se é que alguma vez a teve...) e onde jogos que custam milhões de dólares a produzir sejam processados por uma extensiva máquina de marketing que transforma muitas vezes puro lixo em moda essencial, criando a necessidade de os comprar... mas enquanto nomes como Shigeru Miyamoto ou Hideo Kojima fizerem parte dessa mesma indústria, a 'arte', de uma maneira ou outra, estará sempre presente. Resta-nos a nós, público consumidor, recompensá-la de forma a mostrar às distribuidoras que nem todos somos autómatos alinhados nas lojas à espera de comprar o 'G.T.A. XXVIII: Mass Nuclear Armageddon on the Moon' (hey! Só pela premissa do nome, eu comprava!), que ainda há deste lado quem goste de ser surpreendido por criatividade e ideias novas... "art lovers".
 
    Ironia das ironias, para finalizar esta minha já extensa opinião, rumores apontam que o nome "Clover" adveio da junção de duas palavras distintas: "Creativity Lover".


Shiryu     
Estadus Psicologicus:
Adeptus Musicalis: Bear McCreary - Fight Night

Da mente extraordinária de Shiryu às 22:15
Postus Linkus | Adeptus Comentarius | Adeptus Adicionarius Favoritus
6 comentários:
De Prometheus a 15 de Dezembro de 2007 às 02:04
Isto dá pano p/mangas, mas como agora estou com sono vou tratar de comentar noutra altura


De Shiryu a 15 de Dezembro de 2007 às 02:06
És tu e eu, estava aqui a fazer mais uns vídeos, mas já tou pedrado de sono e não me apetece fazer mais hoje.


De prom a 15 de Dezembro de 2007 às 13:54
eu estou de olho aberto á espera do Okami :D


De dredmingos a 16 de Dezembro de 2007 às 12:48
este e mesmo daqueles temas que niguem se entende, pois o que faz 1 obras ser considerada arte?
sera dos graficos?(nao e o pk muitas obras realistas, nunca passaram de 1 representaçao da realidade, nao tendo conseguido passar a arte)
mas tambem o que sera a arte? e que antes de debaterem se os videojogos sao arte e necessario descobrir o que e a arte, eu tou em belas artes e nem eu ainda o sei, debatemos muito nas aulas fomos dos gregos ate aos nossos dias, e a arte começo por ser 1 imitaçao da natureza, ate 1 questao de criatividade em conjunto com 1 tema que a propia obra retrata...
por isso para min o que o videojogo e ou deixa de ser arte e quando nos deixa boquiabertos pelo que se ve, e pelo que nos faz sentir, e nao pelo questao de grafismos pk pode ate ser o melhor jogo em graficos e depois o argumento ser digno de 1 filme de escalao B ou C.


De Shiryu a 16 de Dezembro de 2007 às 14:22
O "Killer 7" também não foi uma "sucesso de bilheteira", o mesmo se espera do "No More Heroes"... é a industria no sue estado actual. Ou se aceita ou nos revoltamos.


De luxxx a 17 de Dezembro de 2007 às 13:46
Niiiiiiiice!!!!


Comentarius Postus

Adeptus

Adeptus Pesquisaris

 

Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Recentis Postus

Weekendus: KO! Shiryu is ...

Shiryu Music: Novo álbum ...

SNES: Anúncio de "Super C...

Multi: Trailer de "H.A.W....

Shiryu Music: "-Watcha ne...

Adeptus Cinefilus: Novas ...

Wii: Trailer de "The Last...

"Super Mario Bros Leftove...

Artisticus: Flag of our M...

Artisticus: Gaming Supern...

E3 2010: O melhor da Wii

PC: Demo de "Megaman 8-bi...

E3 2010: And the winners ...

O verdadeiro Paper Mario!

Capcom revela daqui a doi...

DSiware: Trailer de "Soul...

PC: Robotz DX

Megadrive: Mega Mario Bro...

Wii: Primeiros detalhes d...

Adeptus Musicalis: "Faith...

Weekendus: Shiryu, o Maso...

Wii: NBA Jam com Toque Má...

Shiryu Music: "Another Ni...

GC: Master Hand... jogáve...

Roger Ebert dá o dito por...

Artisticus: Darius Twitte...

Adeptus Animus: Trailer d...

Wii: Detalhes de Batman T...

Wii: Detalhes de Driver S...

Mega64 apresenta Truthpho...

E3 2010: Konami... porquê...

Do the Evolution!

Defeat... ou será que não...

Adeptus Musicalis: Orbita...

360: Spot do novo modelo

Shiryu Music: Brevemente....

Extordinaria TV: Donkey F...

Multi: Dose dupla de Tron...

Wii: Documentário de Tron...

Weekendus: Super Mario Br...

Super Shiryu Land: E3 201...

DS: Vídeo de River City S...

Wii: Primeiras imagens de...

PSP: Aviões de Ace Combat...

Artisticus: Viva Itália!

Shiryu Music: "Flynn Live...

Multi: Vídeo comentado de...

Extordinaria TV: Good new...

Multi: Vídeo de Mortal Ko...

Extordinaria TV: Jimmy Fa...

Adeptus Arquivus

Julho 2010

Junho 2010

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

tags

todas as tags

Adeptus Linkus

Adeptus Counter

ExGaD Adeptus Counter

Impacientus Infinitus

SAPO Blogs

subscrever feeds